American Horror Story – 1×10 – Smoldering Children

    13
    691

     Quando o óbvio te surpreende.

    Depois de dois episódios bem irregulares, óbvios e que não acrescentaram nada a trama, nesta semana, American Horror Story entrou em sua reta final, e o fim parece ser surpreendente.

    Em uma entrevista, Ryan Murphy já revelou que na próxima temporada da série, o elenco deverá ser totalmente trocado e assim deverá ser feito a cada temporada. Já Dylan McDermott, em uma entrevista falou que o final será aberto. Ou seja, há a possibilidade de todos os personagens MORREREM ao final de temporada.

     

    Ao começo do episódio foi explicado um dos motivos para a raiva de Tate: Larry, que após a morte de sua filha, faz Constance e sua família se mudar para “a casa”, resultando no “massacre” na escola e na sua morte.

    Já Ben após descobrir que o segurança é estéril, vai perdoar Vivien no hospício. E dá para ela a notícia de que os dois bebês são de pais diferentes. Mesmo já explicado que ali está o anticristo, fico a me perguntar: São os dois bebês o anticristo? Se não, apenas um deverá sobreviver. Enfim, este parto deverá ser a coisa mais bizarra da série.

    Já o plot da morte de Travis é tão irrelevante, que só serve para Constance ficar fazendo drama (o que ela faz de melhor). Sim, eu quero ver este reencontro na casa. De relevante deste plot: Larry foi preso, porque assumiu a culpa dos fantasmas, só para ouvir que a Constance o amava por uma última vez, e o que pareceu é que ele está tão angustiado por ela o negar tanto que ele deve se matar na prisão, se não, Larry já deve ter finalizado seu trajeto na série, adeus.

    Falando na casa, quantos fantasmas! E mais um se integrou ao grupo: Violet.

    Comecei a review falando que foi óbvio, porque pensem: a menina não saia mais de casa, e de tanto tentar se suicidar, uma hora ela iria conseguir. Mas, as duas únicas personagens que eu comecei a me importar na série, eram a Vivien e a Violet, eu queria muito que as duas saíssem da casa. Já foi um alívio a Vivien sair da casa, mas, senti muito pela Violet ter morrido. Queria muito que ela tivesse um bom final.

    Aí está um grande problema de mitologia: Por que a Violet não conseguia sair da casa, mas Tate, Chad e Patrick conseguem? A mitologia da série é bem falha, mas, é Ryan Murphy e Brad Falchuk, o que eu poderia estar esperando de desenvolvimento?

     

     

    OBSERVAÇÕES:

    1 – Onde a Moira esteve todo este episódio?

    2 – Será que o Ben também morreu? Esse pode morrer que ninguém deve estar se preocupando, Dylan McDermott, você é muito ruim. Até aposto que ele saber que o Rubber Man é o Tate não trará relevância alguma. E como o Ben colocou a toalha na cena do banheiro?

    3 – Violet sai desta vida (?) de ficar do lado Tate, pra eu gostar mais de você.

    3 – Só quero que Birth e Afterbirth fechem bem a temporada, e que NÃO matem a Vivien. Já basta ela ter o anticristo em seu ventre e ter um pamonha na sua vida igual ao Ben.

    13 COMENTÁRIOS

    1. Tate, Patrick e Chad conseguiram sair da casa porque era Halloween. No dia de Halloween todos os fantasmas da casa conseguem sair e andar pelas ruas.

    2. Isso aí, Marcos. Acho que antes de apontar falhas inexistentes, uma pesquisada na verdadeira mitologia da série se faz necessária.
      E o nome da mãe da Violet é Viven, não Vivian.

      Quanto ao Ben ter colocado a toalha pra brigar com o rubber-Tate, preferia que não o tivesse feito. Alguns furos de continuidade desapontam.

    3. Caramba!!! Eu esqueci que foi no Halloween, mas, acho que deveriam delimitar até onde esses fantasmas podem ir, porque no episódio anterior, a Hayden ficou na porta da casa, já a Violet não passava de uma porta, só ficava dando voltas.
      * Mudei o erro no nome da Vivien.

    4. Hm…os fantasmas podem tar no jardim tb…lembro-me de Violet estar a fumar la e o Tate estar com ela. Ah e Violet consegue sim passar da porta e consegue chegar ao portão, dps é que já só vemos de porta em porta para percebermos que esta morta e presa à casa. Precisa rever essa parte

    5. Tem erro na mitologia da série sim. Não lembro ao certo mas em um episódio o Tate saiu da casa juntamente com a Violet em um momento que ela estava fumando aquile lugar não parecia ser nem mesmo o jardim.

    6. Sobre seu comentário anterior, eu tenho certeza que o porão está contido na casa.

    7. Mas na cena nunca aparece o porão, a nao ser que tenha lido mal o meu comentario, eu falei em portão

    8. Gente, o que ela falou faz sentido, pq tem alguns que conseguem ficar no “quintal”, e é meio estranho Violet não conseguir ao menos chegar no quintal, ela passava por uma porta e já entrava em outra… E por enquanto gosto muito do Tate, por mais que ele faça maldades, se ele fosse tão mau não tentaria ajudar a Violet. Acho muito fofo o relacionamente deles… =P
      Está bem interessante, mas na hora que a vi no chão cheia de moscas, óh céus, não pude acreditar, o episódio acabou e fiquei uns 30 min viajando na cena, vc disse que era óbvio, sim, uma hora seria, mas não esperava… Muito bom!

    9. Mas a questão é que ela consegue chegar, só fixaram essa parte? ela inicialmente chega ate ao portao a pedir ajuda porque supostamente o tate quer mata-la! mas vao encurtando a cena para de porta em porta! para tirarmos a conclusao mais obvia! espero que nos proximos episodios apareça cena dela no jardim para perceberem

    10. É verdade! Assisti de novo esse episódio e na primeira tentativa ela chega no portão… Qro muito ver o próximo! *-* E não sei pq as pessoas estão tão grossas, são só comentários! Relaxaa!

    11. Nao, simplesmente acho que isto é para discutir e por acaso é uma cena que tenho tado atenta e reparado, os limites dos fantasmas em relaçao à casa, mas pronto peço desculpa pela teimosia entao 🙂

    12. sei que isso é algo completamente passado ,mas gostaria de entender , sobre moira O’hara , se ela foi morta junto com o marido de constance , como ela conseguiria envelhecer? ou se é um poder da casa como disse hayden , em que capitulo isso poderia er explicado? e falandoem Hayden , gostei muito como ela explorou e conheceu varios menbros espirituais da casa.