Canal Curta! exibe filme inédito sobre ativista chilena torturada pela polícia de Pinochet

0
453

‘Haydee e o Peixe Voador’ conta a história de Haydee Oberreuter, presa grávida em 1975

Calcula-se que a ditadura de Augusto Pinochet, no Chile, tenha feito mais de 40 mil vítimas entre mortos, desaparecidos e sobreviventes às torturas aplicadas pelos agentes da repressão. Uma dessas pessoas que sobreviveram é Haydee Oberreuter, presa grávida em 1975. Sua história é tema do documentário  “Haydee e o Peixe Voador”, exibido com exclusividade no canal Curta!, dia 17 de maio, na Sexta da Sociedade, às 22h10.

As cenas se passam durante o julgamento de seus torturadores, algo até então sem precedentes no Chile, realizado 40 anos depois de sua prisão. Entre outras violações, seus algozes conscientemente forçaram-na a abortar o filho que esperava, através de violentas torturas, sob a justificativa de que seria “um comunista a menos”. 

Entre as audiências, que se estenderam por semanas, a própria Haydee conta sua história de dor e resiliência, enquanto permanece lutando por justiça, por ela e por Sebastián, nome que deu ao filho morto em seu ventre. O documentário é dirigido pela chilena Pachi Bustos e produzido pela Giros.

22h10 – Haydee e o Peixe Voador (Documentário)

No documentário dirigido pela chilena Pachi Bustos, Haydée Oberreuter quer se despedir de seu filho, que morreu em seu ventre, durante atrozes sessões de tortura, há quarenta anos. Ela tinha 21 anos e jamais imaginou que, quatro décadas mais tarde, voltaria a se encontrar com seus algozes em um julgamento sem precedentes no Chile.  Diretores: Pachi Bustos. Duração: 71min. Classificação: 12 anos. Horários alternativos: 18 de maio, sábado, às 02h10 e 12h05; 19 de maio, domingo, às 19h00; 20 de maio, segunda-feira, às 16h10; 21 de maio, terça-feira, às 10h10.