The Amazing Race – 23×02 – Zip It, Bingo

0
1246


Perdidos na tradução!

Um novo episódio com muitas surpresas entre as duplas. Nem sempre, os primeiros colocados em uma etapa ficarão na vantagem, assim como os últimos nem sempre se manterão no fim, e isso foi provado neste segundo episódio.

Os amigos esquisitões, Brandon e Adam, que estavam na última colocação, conseguiram ficar à frente de quase todos. Conseguiram uma vantagem no barco histórico “Esmeralda”, o que possibilitou estar na dianteira por quase toda a etapa. Dali, seguiram para as Minas de Sal Irlanda, onde havia o Detour. Essa foi uma das provas que mais gostei até aqui nesta temporada, porque eles tinham que percorrer uma grande distância de bicicleta naquele deserto e com muito sol, para chegar onde as provas seriam realizadas. Eles tinham que escolher entre Mining (Mineração) ou Brining (Salgar).

Apesar da dificuldade em localizar o lugar e realizar as provas, como foi o caso de Nicole e Travis e Nicky e Kim, Rowan e Shane acabaram sendo mais prejudicados por causa do taxista que não encontrava o lugar, e a falta de comunicação entre eles, foi outro fator que atrapalhou os planos da dupla. Esse problema de tradução também foi um agravante para eles nas próximas provas.

A pista seguinte pedia para irem até a capital Santiago (24 horas de viagem) e encontrarem a Praça das Armas. Novamente, Rowan e Shane não entenderam a informação dada na rodoviária, e acabaram perdendo o ônibus certo, porém, conseguiram um outro que antecipava a chegada deles a Santiago. Durante esta viagem, duas duplas acabaram fazendo uma “aliança”. Marie/ Tim e Kim/Nicky descobriram certos laços, e com isso, as duas amigas acabaram garantindo o Express Pass, com a condição de se ajudarem durante as etapas. Marie é inteligente e só deu para elas porque é uma dupla fraca. Oficialmente não é delas ainda, mas é quase certo que sim.

Na Praça de Armas, um Roadblock indicava que teriam que engraxar sapatos, desmontar a cadeira de trabalho e carregar tudo por 6 quadras, onde receberiam a pista do pit stop, a reserva natural “Cascada de Las Animas”. O problema é que desmontar a cadeira e carregar sem deixar tudo cair era mais difícil do que imaginaram. Quem se deu bem nesta prova, e consequentemente na etapa, foi a dupla Chester e Ephraim, que conseguiu a primeira posição, após um erro da dupla Leo e Jamal, já que não tinham pago totalmente o taxista. Quem se deu mal mesmo foi Rowan e Shane. Rowan errou feio ao não ler as instruções, e perdeu muito tempo com isso, levando à eliminação.

E a posição das duplas ficou assim:

1. Chester e Ephraim (vencedores);
2. Leo e Jamal
3. Brandon e Adam
4. Travis e Nicole
5. Jason e Amy
6. Tim e Danny
7. Ally e Ashley
8. Tim e Marie
9. Nicky e Kim
10. Rowan e Shane (dupla eliminada)